Diocese
da Campanha

/
/
Solene dedicação da Igreja de São Sebastião do Pontalete em Três Pontas

Solene dedicação da Igreja de São Sebastião do Pontalete em Três Pontas

12A noite do dia 13 de janeiro de 2018 ficará para sempre marcada no coração daqueles que se reuniram na Igreja de São Sebastião, no distrito do Pontalete, em Três Pontas, para a solene dedicação daquele templo à Deus e ao culto sagrado, como coroamento de um cuidadoso processo de revitalização. Um grande número de pessoas se concentrou na orla do Lago de Furnas para receber o Excelentíssimo Reverendíssimo Dom Pedro Cunha Cruz, Bispo da Diocese da Campanha, que foi acolhido pelo Reverendíssimo Padre Ednaldo Barbosa, Pároco da Paróquia Nossa Senhora d’Ajuda e responsável pelo pastoreio da comunidade de São Sebastião. Dom Pedro foi oficialmente saudado pelo Ilustríssimo Senhor Doutor Luiz Roberto Laurindo Dias, Prefeito Municipal de Três Pontas, de quem recebeu uma coletânea dos mais antigos registros históricos do Pontalete. Em seguida, o senhor bispo acolheu as boas vindas dos membros da comunidade, aos quais agradeceu pelo empenho evangelizador naquele local.

Às 19:30h, Dom Pedro deu início a Cerimônia da Dedicação, introduzindo os fiéis no mistério a ser celebrado e convocando todos para dar início a procissão em direção ao templo. Diante do edifício, em nome de todos os envolvidos nas várias etapas da restauração, membros da comunidade fizeram memória da presença da Igreja em meio ao bom povo do Pontalete, confiado ao patrocínio do glorioso mártir São Sebastião desde o início do povoamento do lugar. Recordou-se que a construção atual foi entregue à comunidade em 1941, em substituição à antiga capela, sem, no entanto, ter sido dedicado segundo as diretrizes eclesiásticas. Destacou-se também que a reforma da estrutura física é resultado de um resgate mais profundo da comunidade cristã católica, de cada um daqueles homens e mulheres que ali formam a Igreja viva. Nesse momento, o senhor bispo recebeu a chave do templo, a qual foi entregue ao Padre Ednaldo Barbosa, que abriu as portas da Igreja para a entrada de todos os presentes. Em seguida, a edificação e o povo foram aspergidos pelo bispo.

O rito da dedicação ocorreu dentro da celebração Eucarística presidida pelo bispo diocesano e concelebrada por Padre Ednaldo Barbosa, Padre André Luiz da Cruz e Padre Mário da Silva Quirino Rabelo, com a presença de seminaristas da diocese da Campanha, das Irmãs Servas de Nossa Senhora de Fátima, de autoridades civis e numeroso povo, entre paroquianos e visitantes. Após a proclamação da Palavra de Deus, Dom Pedro enfatizou em sua homilia o Mistério da Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo e o sentido da dedicação solene do templo para o culto divino, além de expressar o agradecimento a todos os que assumiram a missão de revitalizar a comunidade e a casa do Senhor, demonstrando seu compromisso cristão, a exemplo de São Sebastião, leigo que testemunhou corajosamente o Evangelho e obedeceu mais a Deus que ao império dos homens, até o martírio de sangue. Cada momento foi acompanhado com profunda reverência, especialmente a Ladainha, a unção do altar e das paredes, a incensação e a iluminação do templo. Concluído o rito da dedicação, celebrou-se a Liturgia Eucarística, após a qual foi lida e assinada a Ata de Dedicação da Igreja e do Altar. Procedeu-se também o descerramento da placa comemorativa, que guardará para a posteridade o registro histórico deste dia.

Com gratidão nos lembramos daqueles que ao longo dos anos mantiveram acesa a chama da fé e contemplam do céu a realização do sonho da comunidade. Gratidão também a tantos membros da comunidade que, em meio aos desafios e dificuldades, não desistiram nem desanimaram. Lembramos também dos benfeitores e de todos os envolvidos nesta grande empreitada, cuja união e esforço levaram a bom termo esta obra. Rogamos a Deus para que neste templo, agora restaurado e dedicado, os fiéis que sempre suplicaram a intercessão do santo padroeiro em favor das plantações e rebanhos testemunhem com renovado ardor sua fé em Jesus Cristo através da devoção ao mártir que a todos protege contra a fome, a peste e a guerra. São Sebastião, rogai por nós!

Texto por PASCOM D’Ajuda

Fotos aéreas feitas por drone por Pedro Junior – Solução Informática

Demais fotos por Daniel Bressani

Author picture

Compartilhar:

Categorias:

Diocese

Formações

Leia Também

Entre os dias 15 e 18 de julho aconteceu em Belo Horizonte/MG, o 7° Encontro de Formação Litúrgica para