Diocese
da Campanha

/
/
/
SEMINARISTAS DE NOSSA DIOCESE REALIZAM RETIRO ESPIRITUAL

SEMINARISTAS DE NOSSA DIOCESE REALIZAM RETIRO ESPIRITUAL

capaAconteceu, entre os dias 18 e 20 de agosto de 2023, no Seminário Diocesano Nossa Senhora das Dores, em Campanha, o Retiro Espiritual dos seminaristas de nossa diocese; reunindo os seminaristas da Etapa Configurativa, Discipular e Propedêutica. O retiro foi orientado pelo Pe. Adriano Corrêa da Silva, SJS – que atualmente é Capelão militar do Exército, exercendo seu pastoreio na Escola de Sargentos das Armas (ESA), em Três Corações – Mg. O retiro tinha por tema o mesmo deste Ano vocacional de 2023: “Vocação, Graça e missão: corações ardentes, pés a caminho”.

Para que o encontro promovesse verdadeiros frutos da Graça na vida de cada um, o retiro iniciou-se com a celebração da Santa Missa, de modo que o próprio Espírito Santo orientasse verdadeiramente todos os envolvidos e guiasse o dinamismo do retiro. Em seguida, Pe. Adriano propôs um cronograma que dividia as atividades próprias do encontro. Entre elas, destacaram-se as preleções tão bem ministradas e preparadas por este insigne Sacerdote do Senhor. As preleções foram distribuídas pelos dias, seguindo temas que orientavam a formação, o discernimento vocacional e o sentido da fé cristã, em um mundo tão vasto de conhecimento e tecnologia, afim de que fosse, mais facilmente compreendido pelos seminaristas envolvidos, o seu papel e responsabilidade diante de tamanho desafio.

A primeira preleção tratou da seguinte temática: Vocação e o sentido da vida – destacando como o ser humano é esse ser que busca o sentido de sua existência constantemente, e isso em todos os âmbitos vocacionais; e de como não há condições de estar a caminho, sem os corações estarem ardentes. A segunda preleção foi pautada sobre a importância da Virgem Maria, Mãe de Deus, na formação sacerdotal – a vocação será firme, bem discernida e feliz, se o seminarista alimentar uma intimidade, com a Mãe de Deus, assim como um filho depende de sua mãe para seu crescimento e formação. A terceira preleção dizia a respeito do Primado do Absoluto – destacando que não existe oposição entre vida de trabalho e a vida de oração, como muitos dizem, mas sim uma complementariedade; e que é a partir da convivência, da experiência com o sagrado, que colocamos os pés a caminho, saindo do teórico/científico, para um coração ardente e um espírito orante, fruto do relacionamento íntimo com Deus. Por fim, a quarta preleção remeteu à Espiritualidade litúrgica: coerência entre fé e vida – reforçando que a liturgia é a fonte de verdadeira transformação pela qual todo ser humano deve passar, e da qual a própria Igreja se sustenta; e que no trabalho pastoral, o Pastor deve visar encaminhar o rebanho a este redil, ou seja, o povo à Cristo. Todas as preleções provocaram momentos oportunos de reflexão, que foram vividas de modo mais profundo nos desertos orantes e na convivência fraterna.

Toda a dinâmica do encontro foi também marcada por alguns momentos de diálogo, outros de silêncio, de modo que auxiliassem os envolvidos no aprofundamento das informações apresentadas pelo pregador do retiro – informações estas de grande valor formativo, sobretudo espiritual. Também houve orações comunitárias, como a Adoração do Santíssimo, acompanhado pelo Santo Terço; e também pela oração da Liturgia das horas nos dias propriamente dito.

No domingo o encontro encerrou-se com a Oração Solene das Laudes, seguida pela Santa Missa, presidida pelo Pe. Adriano, que recebeu dos reitores e seminaristas os mais sinceros agradecimentos pela tamanha colaboração com a formação dos futuros padres da Igreja, bem como pela brilhante riqueza dos conhecimentos espirituais e pastorais transmitidos; nossa casa de formação estará sempre de portas abertas para bem acolhê-lo novamente!

Felipe José Lima dos Reis
Seminarista do 1º ano do Discipulado

Author picture

Compartilhar:

Categorias:

Diocese

Formações

Leia Também

Aconteceu em Belo Horizonte – MG, de 15 a 19 de julho, mais uma edição do Encontro Nacional de