Diocese
da Campanha

/
/
Pastoral Familiar

Pastoral Familiar

pastoral familiar

Assessor: Pe. Carlos Henrique Machado de Paiva (P19)
Praça Nossa Senhora da Saúde, 258
37480-000 – Lambari/MG
Fone: 35 3271-1049
E-mail: [email protected]

Casal Coordenador: Carlos Antônio da Silva e
Célia Aparecida da Silva
Alameda das Acácias, 206 – Pinheiros
37.030-610 – Varginha/MG
Fone: 35 3212-1781 ou 99917-6768
E-mail: [email protected]

 

O QUE É A PASTORAL FAMILIAR?

É um serviço que se realiza na Igreja e com a Igreja,  de forma organizada e planejada através de  agentes específicos, com metodologia própria,  tendo como objetivo apoiar a família a partir da realidade em que se encontra, para que possa existir e viver dignamente, estabelecer relacionamentos e formar novas gerações conforme o plano de Deus.

Abrange todas as famílias, independentemente de sua situação familiar, com o propósito de promover a inclusão e resgatar os valores e a dignidade de cada pessoa.

COMO COMEÇOU?

No Concílio Vaticano II começou-se a delinear na Igreja uma proposta inspiradora para os esforços da evangelização da família.

No Brasil, a Pastoral Familiar começou a sistematizar a sua caminhada na década de 80, onde foram realizados vários encontros nacionais com os representantes de alguns movimentos e serviços familiares.

Em 1981, no IV Sínodo dos Bispos, foi promulgado a Exortação Apostólica Familiaris Consortio sobre a missão da família cristã no mundo de hoje. Desde então, foram realizadas muitas ações pela Igreja no Brasil, mas, percebe-se que a missão da Pastoral é muito mais ampla, urgente e indispensável.

 

MISSÃO

A missão evangelizadora da Pastoral Familiar é a defesa e promoção da pessoa em todas as etapas e circunstâncias da vida e a defesa dos valores cristãos para o matrimônio os relacionamentos pessoais e familiares.

Para isso, é imprescindível promover articulações dentro e fora da Igreja, para defender a vida em todos as suas etapas e dinamizar e orientar ações em favor da família.

 

COMO ESTÁ ORGANIZADA:

 

SETOR PRÉ-MATRIMONIAL

  1. Preparação Remota :  articular com: Crisma, jovens, catequese e escola.
  2. Preparação Próxima:  evangelizar namorados e noivos.
  3. Preparação Imediata: diálogo com o Padre, Retiro Espiritual, Rito Sacramental e Celebração.

 

SETOR PÓS-MATRIMONIAL

 

  1. Oferecer ajuda e formação para recém-casados e grupos familiares.
  2. Formação contínua para a vida conjugal, familiar e comunitária.

 

SETOR CASOS ESPECIAIS

 

  1. Os casais em segunda união e seus filhos sejam acolhidos, acompanhados e incentivados, conforme sua situação, a participarem da vida da Igreja, segundo as orientações do Magistério.
  2. Acompanhar as diferentes realidades das famílias de migrantes, mães e pais solteiros, famílias com filhos deficientes ou drogados, famílias distanciadas da Igreja, matrimônios mistos, atenção especial aos idosos, viúvos, casais em segunda união, alcoolismo etc.

 

A família é essencial para construir um futuro digno para a sociedade humana. A verdade é que tudo passa pela família. Para o ser humano, tudo se inicia na família. Ali são postos os fundamentos sobre os quais se constrói a vida de cada um.

 

“Em toda Diocese se requer uma Pastoral Familiar intensa e vigorosa para proclamar o Evangelho de Família, promover a cultura da vida e trabalhar para que os direitos das famílias sejam reconhecidos e respeitados”

(Papa Bento XVI, V Conferência de Aparecida, 2007).

pastoral-familia2

 

Que a Sagrada Família de Nazaré abençoe todas as famílias deste nosso imenso Brasil!

Que ela fortaleça a Pastoral Familiar e a anime a seguir solidificando-se para que a família se torne realmente uma “boa notícia” para o novo milênio.

(João Paulo II, 23.01.2003)

admin

admin

Compartilhar:

Categorias:

Diocese

Formações

Leia Também

Nos dias 12 a 14 de julho, aconteceu em Aparecida/SP, no Centro de Eventos Padre Vítor Coelho de Almeida, o 8º
Inúmeras vezes o magistério da Igreja reitera a importância da oração na família e recorda como os primeiros ensinamentos