Diocese
da Campanha

/
/
/
Dom Pedro emite nota de solidariedade pela morte de Dom Antônio Afonso de Miranda, aos 101 anos

Dom Pedro emite nota de solidariedade pela morte de Dom Antônio Afonso de Miranda, aos 101 anos

Na manhã de hoje, 11/10/2021, a Cúria Diocesana da Campanha emitiu nota assinada por Dom Pedro Cunha Cruz, na qual se solidariza com a Diocese de Taubaté/SP e com os familiares de Dom Antônio Afonso de Miranda, sdn, por ocasião da sua páscoa ocorrida nesta manhã, por volta das 7h, num hospital de Juiz de Fora/MG, onde encontrava-se internado.

Dom Antônio Afonso de Miranda nasceu em 14 de abril de 1920 em Mercês/MG. Cursou Humanidade e Filosofia no Seminário Apostólico de Manhumirim/MG de 1933 a 1941. Em 1942 ingressou no curso de Teologia no Seminário Central de Belo Horizonte/MG. Sua ordenação sacerdotal aconteceu em Belo Horizonte no dia 1 de novembro de 1945.

Em 1952, tornou-se Superior Geral da Congregação dos Missionários de Nossa Senhora do Santíssimo Sacramento em Manhumirim, substituindo o seu fundador, o servo de Deus Pe. Júlio Maria de Lombarde, ofício que exerceu até 1961. De 1965 a 1970, cursou Direito na Universidade Federal do Espírito Santo. Cursou ainda licenciatura em Filosofia pela Faculdade de Filosofia de São João del Rei/MG de 1970 a 1971.

Em 27 de dezembro de 1971, recebeu a Sagração Episcopal, assumindo a diocese de Lorena/SP de 1972 a 1977. No ano de 1979, foi Delegado Brasileiro à Conferência Latino-Americana de Puebla, no México. Foi Administrador Apostólico de nossa Diocese da Campanha de 1977 a 1981, como refere a nota hoje emitida, e em setembro de 1981 tornou-se o quinto bispo da Diocese de Taubaté onde permaneceu até 1996, quando se tornou emérito aos 75 anos.

Até 2019, Dom Antônio residiu em Taubaté, na companhia de seu sucessor. A partir de então, voltou a residir na casa que fora de seus pais, em Mercês/MG, na companhia de suas irmãs, Maria José e Maria Therezinha.

Dom Antônio foi autor de inúmeros artigos e diversos livros de diferentes gêneros, desde a poesia à teologia. Era um grande orador e até o centenário gozou de uma mente lúcida e capaz de recontar aos detalhes fatos da sua e da história da Igreja.

Os funerais de Dom Antônio Affonso de Miranda acontecerão amanhã, dia 12, às 15h, com Missa Exequial presidida pelo Sr. Arcebispo de Mariana/MG, no Santuário de N. Sra. das Mercês, seguida de sepultamento. Os ritos serão transmitidos pela TV Canção Nova.

Nota Oficial

NOTA AFFONSO DE MIRANDA 0002

Author picture

Compartilhar:

Categorias:

Diocese

Formações

Leia Também

Aconteceu em Belo Horizonte – MG, de 15 a 19 de julho, mais uma edição do Encontro Nacional de