Diocese
da Campanha

/
/
DOM PEDRO CELEBRA CRISMA NA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DAS DORES EM BOA ESPERANÇA

DOM PEDRO CELEBRA CRISMA NA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DAS DORES EM BOA ESPERANÇA

Crisma Boa Esperanca 21A comunidade católica da Paróquia de Nossa Senhora das Dores, em Boa Esperança, realizou neste final de semana, 30 de junho, uma celebração eucarística em grande estilo, marcando também a solenidade de São Pedro e São Paulo. Foram crismados 133 adolescentes e 08 adultos do catecumenato. A solenidade que aconteceu na Basílica menor de Nossa Senhora das Dores, foi presidida pelo bispo diocesano, Dom Pedro Cunha Cruz, concelebrada pelo pároco, Padre Geraldo Inácio de carvalho, e o vigário paroquial Padre Jean Steferson.

Ao explicar os sinais e gestos sacramentais da Crisma, Dom Pedro lançou um estímulo aos crismandos. “Hoje está sendo lançado um desafio: Quando vocês abraçam a cruz de Jesus, significa que devem ter uma postura diante da vida, não pelo que dizem, mas pelo que de fato são. Não compactuando com a fraude e a mediocridade, mas garantindo o direito do cristão. É por isso que o primeiro gesto da Crisma é a vela acesa, significando que devemos iluminar”.

Durante a cerimônia, os crismandos fizeram a renovação das promessas batismais, renunciaram ao pecado e confirmaram sua crença em Deus.

No final da Celebração Eucarística, Dom Pedro também agradeceu a dedicação e o zelo dos catequistas que conduziram os crismandos até o Sacramento, preparando-os. Mais uma vez recomendou a atitude cristã: “Levem no coração os ideais cristãos de um mundo melhor e de uma sociedade mais justa e fraterna, colocando os dons que receberam a serviço da comunidade e sociedade”.

Texto: João Paulo Damasceno Silva – Coordenador da Pastoral da Liturgia Paroquial

Fotos: Adriano de Oliveira / Edson Oliveira

 

Author picture

Compartilhar:

Categorias:

Diocese

Formações

Leia Também

https://www.facebook.com/share/p/HjPuaeUp3LorxymX/  
Inúmeras vezes o magistério da Igreja reitera a importância da oração na família e recorda como os primeiros ensinamentos