Diocese
da Campanha

/
/
MAIO MÊS DE MARIA, MÊS DA MÃE DO SENHOR

MAIO MÊS DE MARIA, MÊS DA MÃE DO SENHOR

foto17

Queridos Irmãos e Irmãs;

Estamos no mês de maio, mês devocional, mês este dedicado inteiramente a Mãe de Deus e nossa Mãe. Agraciados com a manifestação de Deus em nossas vidas, nos concede ainda o ano mariano, em que celebramos o tricentenário de Nossa Senhora Aparecida e o centenário de Nossa Senhora de Fátima.

Esta felicidade não terminapor aí, neste mesmo ano nossa forania recém  criada, recebe o nome de forania Nossa Senhora de Fátima. E por final nossa paróquia é titularizada como Paróquia Nossa Senhora de Fátima.

Desta forma, nosso pároco Padre Luiz Augustonão mediu esforços para que pudéssemos celebrar, com gratidão, com unidade, com devoção e acima de tudo com fé estes momentostão importantes na vida de nossa comunidade paroquial.

Elaborou–se e realizou-se um dozenario de Nossa Senhora de Fatima,onde foi envolvida toda comunidade no espirito de oração, partilha, serviço e confraternização. Celebrações diárias como recitação do terço mariano e a Eucaristia,onde tivemos a participação de todas as pastorais, movimentos e com uma frequência admirável de toda a comunidade.

Participaram das celebrações Eucarísticasvários sacerdotes de nossa diocese, que com o espirito de doação, partilharam sobre vários documentos e encíclicas Papais mencionadasà mãe de Deus.

Encerrando estas festividades, nossa comunidade paroquial teve a honra e a felicidade de poder contar com nosso querido Bispo D. Pedro, que num espirito de pastoreio nos presenteou com uma celebração deslumbrante, onde ele nos exortava em sua reflexão a não nos envergonharmos de nossa mãe, não deixar de render a nossa devoção, a nossa homenagem a essa mãe querida e amada, que no ato de sua aparição aos três pastorinhos se identificou com o rosto sobrenatural e divino porque Ela é a mãe de Deus; Com o olhar sereno e com uma sombra de tristeza, porque o mundo vivia um conflito, e muitos filhos abandonaram sua igreja, e não querem retornar à casa; E também, com o terço na mão seu rosto radiava um facho de luz saindo de seu corpo.

Encerrando sua reflexão Dom Pedro nos incentivou a oração do terço, dando nos o testemunho de que o papa tem em suas orações diárias a recitação do santo terço, que ele, Dom Pedro, também o medita diariamente, e que nós como devotos de Nossa Senhora devemos atender a esse grande pedido feito pela mãe santíssima, nos levando a um espirito de conversão e arrependimentos de todos os males que nos distanciam da graça e do amor de Deus.

Padre Luiz Augusto de forma emocionada agradeceu a Dom Pedro, aos sacerdotes que marcaram presença em nossa primeira festa dedicada a nossa padroeira e a participação de todos os fiéis e devotos de Nossa Senhora, e na oportunidade levou a comunidade paroquial ao comprometimento durante esse ano, a exercitarem espiritualmente a recitação do santo terço.

Paróquia Nossa Senhora de Fátima – Varginha / MG

 

 

Author picture

Compartilhar:

Categorias:

Diocese

Formações

Leia Também

Aconteceu em Belo Horizonte – MG, de 15 a 19 de julho, mais uma edição do Encontro Nacional de