Diocese
da Campanha

/
/
FORANIA NOSSA SENHORA APARECIDA PROMOVE CURSO “LIDERANÇA NA IGREJA”

FORANIA NOSSA SENHORA APARECIDA PROMOVE CURSO “LIDERANÇA NA IGREJA”

capaA Forania Nossa Senhora Aparecida realizou, dia 2 de junho, domingo, o Curso “Liderança na Igreja”. Tudo começou quando o Vigário Forâneo, Cônego Wanderlei Procópio do Nascimento, deparou-se com o Livro A Arte de Liderar na Igreja, logo, a ideia foi abraçada por todos os padres da Forania.

Assim, a partir das 7h da manhã até por volta das 18h e 30min, cerca de 150 lideranças leigas da Forania se encontraram para participar da formação ministrada pelo consultor católico/empresarial Wellington Moreira, coautor, junto com o padre Romão Martins, ambos de Londrina-PR, do livro já citado.

Foram algumas horas onde pudemos ouvir conceitos – muitos já conhecidos por nós – e também vivenciar algumas dinâmicas no aprendizado do que é de fato liderar.

Foram trabalhados os seguintes aspectos da Liderança: conceito, dimensões, o contexto atual, a motivação do líder, o protagonismo leigo, as categorias de cristãos leigos, os papeis de cada leigo na estrutura organizacional e a grande dificuldade de todos: a formação de sucessores.

O pano de fundo de toda formação está bem delineado no capitulo 4 do Livro, cujo título é “O velho e o novo jeito de liderar”: “Portanto, quando utilizamos o termo ‘velho’ não estamos nos referindo àquilo que é tradicional ou antigo e sim a um modelo considerado claramente ineficaz neste início de século XXI, mas que infelizmente ainda perdura em todos os rincões do país”. “Para compreender de verdade o que é o novo jeito de liderar, precisamos recordar as grandes lições que o próprio Cristo nos ensinou 2000 anos atrás. Ao lavar os pés dos apóstolos e fazer refeições em meio a pecadores e cobradores de impostos, o maior líder de todos os tempos demonstrou humildade, colocou-se a serviço do próximo, foi capaz de agregar e influenciar sem imposições ou ameaças (Jo 13,12-17). Ou seja, como líder você deve olhar para aquilo que as pessoas precisam e não buscar atender antes as próprias carências. Tem de investir numa relação mais próxima com o outro, colocando-se como amigo, companheiro e servidor. No novo jeito de liderar, em vez de ditar ordens e ameaçar, o gestor pactua com cada liderado o papel e os objetivos específicos a serem cumpridos; no lugar de punir, prefere dar feedback e acompanhar o trabalho de perto; não se esforça para flagrar os outros fazendo algo errado, pois prefere caminhar junto, ajudando-os a realizar um bom trabalho.” (Martins, Romão, A arte de liderar na Igreja, Romão Martins, Wellington Moreira. Aparecida, SP, Ed. Santuário, 2017, pp 47-48).

Em nome do GRADI, agradecemos o convite para participar da formação. E agora temos por meta levar esta formação a todas as demais Foranias para aperfeiçoar nossa capacidade de liderança cristã.

Antônio Tadeu Pires, membro do GRADI

 

Author picture

Compartilhar:

Categorias:

Diocese

Formações

Leia Também

Entre os dias 15 e 18 de julho aconteceu em Belo Horizonte/MG, o 7° Encontro de Formação Litúrgica para