Diocese
da Campanha

/
/
/
Formação de Música e Liturgia em Pedralva

Formação de Música e Liturgia em Pedralva

apaNo dia 22 de outubro de 2023, Dia Mundial das Missões, na Igrejinha Nossa Senhora Aparecida da Paróquia São Sebastião de Pedralva, foi realizada formação para as equipes de liturgia e de música litúrgica, além de outros leigos.

A formação iniciou-se com a celebração da Santa Missa das 07h na Matriz, presidida piedosamente pelo Padre Josimar Cândido Lourenço, administrador paroquial.

Ao término da celebração eucarística, o Pe. Josimar aspergiu água benta, sinal visível da graça de Deus, nos participantes, abençoando-os e enviando-os para um proveitoso encontro.

A água benta, além de ser considerada sinal de bênção para o povo, é recordação do batismo de todo cristão.

Em seguida, os mais de 100 (cem) leigos inscritos na formação desceram em caminhada cantante até a Igrejinha, onde foi servido o café da manhã no salão local.

O 1º palestrante do dia foi o professor e músico Willian Damasceno, de Três Pontas-MG, que ministrou o 1º tema: música e liturgia.

Foi muito favorável o momento, porque Willian evidenciou de forma clara e didática como as músicas das celebrações litúrgicas têm que estar ligadas à Palavra (Sagrada Escritura), ao rito (da celebração) ou à oração (do missal). Caso contrário, a música não será litúrgica mas sim religiosa.

Ele explicou que a música religiosa pode ser utilizada em outras ocasiões eclesiais, como nos grupos de oração, catequese, etc., entretanto, nas celebrações da Palavra ou Eucarística, ou dos sacramentos, a música deve ser a litúrgica, pois faz parte da liturgia.
Willian enfatizou: assim como as leituras, os ritos e as orações das celebrações litúrgicas são próprios, previstos para determinado dia e ocasião, todos estão presentes nos lecionários, evangeliário ou missal, da mesma forma, as músicas fazem parte da celebração e por isso mesmo são litúrgicas, seguindo a Palavra, rito ou oração.

Não utilizar a música litúrgica nessas celebrações (litúrgicas) prejudica o encontro do fiel com o Cristo Ressuscitado.
“Ai de vós (…) que fechais aos outros o Reino dos Céus”.

Willian também falou como os servidores do ofício litúrgico são importantes agentes na comunidade, pois, ao servir de forma humilde e piedosa ao Sagrado, ao mistério da Salvação da Humanidade, são instrumentos colaboradores de Deus na santificação dos homens.

Assim, todos os leigos que servem à liturgia, cantando a Santa Missa, procurem sempre servir da melhor maneira para que a liturgia seja piedosamente e autenticamente realizada, cooperando com os fieis para glorificação de Deus e a santificação dos homens.

Os músicos que servem à liturgia e respeitam as orientações litúrgicas favorecem o encontro dos fiéis com Jesus Palavra e Jesus Eucarístico.

Em seguida, foi a vez do professor e músico João César Silva, de Pedralva-MG, que ministrou o tema música, abordando o assunto de forma mais técnica.

Diante da variedade de pessoas presentes e das funções que exercem na liturgia, desde instrumentistas, cantores, salmistas e outros leigos, o professor optou por iniciar sua explanação falando um pouco sobre as propriedades do som, reforçando aos participantes a importância de escutar, para melhor percepção da música em si.

João César explicou como algumas escalas musicais e outras características do som favorecem um canto mais solene e a melhor meditação, por exemplo.

Além disso, o professor fez várias orientações técnicas, como utilizar o microfone, como a impostação da voz pode propiciar autoridade e inteligibilidade ao cantar ou proclamar a Palavra, a utilização de equipamentos, dentre outras dicas técnicas.

Encerrada a 2ª palestra, os participantes deslocaram-se ao centro pastoral para o almoço. As equipes da Pastoral Familiar e do ECC prepararam carinhosamente uma deliciosa refeição para todos, que ficaram satisfeitos e retornaram para a Igrejinha.

Antes de iniciar as palestras do período vespertino, as outras equipes de apoio que colaboravam para a realização do evento, serviram saborosa sobremesa aos participantes, que muito se alegraram com toda a organização e carinho recebido.

Em seguida, a fonoaudióloga Ana Clara Oliveira Abreu, de Pedralva-MG, ministrou o 3º tema, iniciando sua explanação ensinando como a voz é produzida pelo corpo humano, apresentando as cordas vocais por meio de vídeos e imagens, inclusive.
Ana Clara também falou sobre cuidados com a voz, a saúde vocal e a boa dicção.

Fez exercícios para melhor dicção com todos e ensinou sobre o aquecimento e o desaquecimento da voz.

Logo após, Marisa Arbex, de Três Corações, tratou do tema “unidade e comunhão”, utilizando- se de leitura bíblica, dinâmicas e histórias para favorecer a atuação pastoral dos presentes, direcionando os leigos e leigas no âmbito eclesial e social por meio do documento 105 da CNBB (Cristão Leigos e Leigas na Igreja e na Sociedade).

Marisa, que demonstrou amor pelo laicato e vida em comunidade na Igreja, contagiou os presentes, que ficaram entusiasmados com sua exposição.

Para finalizar o dia, o Padre Noel Vitor Gonzaga, da Paróquia São Sebastião de Cruzília, ensinou sobre “postura litúrgica”.

Padre Noel frisou sobre como os leigos e leigas atuantes, ao se aproximar do Sagrado, devem fazê-lo de forma piedosa, em atitude de respeito, amor e veneração, afinal, aproximam-se do próprio Deus filho, salvador do homem.

Terminando sua explicação, Padre Noel deu a benção final aos participantes, que partiram repletos de um dia rico de formação, do que rogamos a Deus para que seja fecundo em suas vidas, nos seus ofícios e no seio da comunidade eclesial em que servem.

A formação, que foi organizada pela Pastoral da Comunicação e pelos Padres Josimar e Bruno Leonardo Braga, vigário paroquial, contando ainda com apoio de movimentos, pastorais e outros leigos engajados, foi um dia especial para os mais de 100 (cem) leigos inscritos, que puderam aprender e se atualizar, para melhor desempenhar seus ofícios e ministérios, e serem verdadeira expressão do Mistério Pascal.

Sarah Silva Fonseca, coordenadora da Pastoral da Comunicação da Paróquia São Sebastião de Pedralva


Author picture

Compartilhar:

Categorias:

Diocese

Formações

Leia Também

Aconteceu em Belo Horizonte – MG, de 15 a 19 de julho, mais uma edição do Encontro Nacional de